Breaking News

sexta-feira, 14 de junho de 2019

A primeira batalha rumo ao topo da América


É certo que grande parte dos brasileiros que amam o futebol e acompanham de fato a seleção brasileira, hoje não querem mais Tite como comandante da seleção brasileira hoje. Falo dos torcedores da Seleção Brasileira, e não pros que torcem pra seleção perder e se dizem torcedores da Argentina, Alemanha, França e demais.

Quem quer o bem do futebol de nossa seleção, esses sim, estão preocupados com o atual comandante. Mas, temos uma competição com um gostinho no mínimo interessante para os brasileiros. Eu juro que não estava afim de acompanhar quando vi Fernandinho na convocação, mas, tenho baita admiração por Paquetá, Cebolinha, Richarlison, Neres e a nova geração que hoje está ganhando oportunidade. Por isso também, vou torcer como sempre, acompanhar e esperar por bons resultados.

Tite se perdeu em seus discursos, perdeu coerência, perdeu o fio da meada e assim, perdeu a credibilidade com seus torcedores e admiradores. Mas vamos lá, o Brasil teve dois jogos amistosos que teoricamente eram para preparação para Copa América. Ah, e antes que eu me esqueça, temos outra crítica, mas agora ao órgão CBF. Os amistosos da seleção estão decadentes, ninguém se ilude com goleada e vitória sobre adversários (com todo respeito) fracos como Catar, Honduras, Panamá e outros, não iludem ninguém e nem da vontade de assistir.

O Brasil inicia hoje (14) contra a Bolívia sua caminhada na Copa América, vamos ver o que a seleção de Tite vai nos reservar para logo mais. O jogo marca a abertura da competição, que será sediada no Brasil. A seleção jogará no estádio do Morumbi em São Paulo, as 21:30h horário de Brasília.

O time de hoje que deve ir a campo é: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos e Thiago Silva, Filipe Luis; Casemiro, Fernandinho (Allan), David Neres, Coutinho e Richarlison; Roberto Firmino.

Particularmente, -pode até ser implicância- eu não iria de Fernandinho, Allan com certeza seria a opção, pois o Arthur tomou uma pancada forte no amistoso contra Honduras. O restante é o melhor que temos, e vamos vencer sem sombra de dúvidas!

Busquem esse título, e demonstrem o peso desta camisa, desta seleção e principalmente da história que ela carrega. Sempre fomos temidos, mas, os deslizes acontecem. Porém, creio que estes deslizes sirvam como lição e aprendizado. Será que nós aprendemos alguma coisa diante dos últimos “vexames”? Veremos!

Reprodução: Instagram CBF


Palpite do Cacai: 4 x 1 Seleção Canarinho

Por: Caio Alves Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário