Breaking News

quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Palmeiras vence Oeste e evento de MMA em Barueri

A vitória do Palmeiras diante do Oeste, em Barueri, foi mais difícil do que o imaginado. Não pela possível determinação e qualidade técnica e tática do adversário, mas sim pela covardia praticada por seu oponente, aliada a conivência bizarra da arbitragem, que deixava agressões acontecerem de forma escancarada, e nada era assinalado. E quando era, por enúmeras vezes nem advertência verbal ocorria.
E mesmo com o caos implantado, e o jogo pragmático de início de temporada -- ainda normal, mediante aos poucos jogos e treinos efetivos na temporada --, 1x0 ficou de bom tamanho em favor do Palestra. Bem como de bom valor, foi o primeiro gol (17 segundos do 2° tempo) de Felipe Pires, grata surpresa até o momento. O camisa 27 têm mostrado competitividade e entrega dentro de campo, seja para defender ou atacar. Enquanto está em campo e é acionado, se mostra intenso. Vide a forma em que aproveitou o vacilo defensivo da equipe oponente, para finalizar o tento logrado. E isso é muito bom, mediante margem potencial de evolução que Pires e todos os demais atletas estão propensos a ter, com a sequência rotativa de elenco e partidas a serem disputadas.
Mesmo que o adversário tenha acertado a trave do goleiro Weverton na etapa final, o Palmeiras foi superior durante a peleja, mesmo que ela tenha sido válida pelo "Paulistinha", e que o Oeste tenha praticado Artes Marciais Mistas (MMA). O torneio inicial da temporada em si, serve para dar rítimo a atletas. Tanto que, Raphael Veiga reestreou pelo atual deca campeão brasileiro, e teve razoável desempenho, para quem tornava a jogar de forma oficial, após 48 dias.
Com novo rodízio no elenco de Luiz Felipe Scolari, o Verdão agora mira no derby do próximo sábado, que acima de tudo, valerá a honra e dignidade de cada torcedor, diretor e funcionário do time de Palestra Itália. Enfrentar o clube o qual faturou seu último título de forma excusa e crápula, diante do MAIOR campeão do Brasil, é um campeonato a parte. E quando Felipão enfrenta um certo time de Itaquera, transpõe um tezão em vencer incomparável. Sangue nos olhos e gana em mostrar quem de fato é merecedor de ser campeão de forma digna, mesmo que seja em apenas uma partida.
FICHA TÉCNICA
OESTE 0 X 1 PALMEIRAS
Local: Arena Barueri, Barueri (SP)
Data-Hora: 30/1/2018 - 21h
Árbitro: Salim Fende Chavez
Assistentes: Neuza Ines Back e Evandro de Melo Lima
Público/renda: Não disponíveis
Cartões amarelos: Matheus Jesus, Cicinho, Alyson e Kanu (OES), Thiago Santos e Raphael Veiga (SEP)
Cartões vermelhos: -
Gols: Felipe Pires (1'/2ºT) (0-1)



OESTE: Matheus Cavichioli; Cicinho, Kanu, Maracás e Alyson; Matheus Jesus, Betinho e Elvis (Gabriel Vasconcelos, aos 33'/2ºT); Mazinho (Bruno Xavier, aos 36'/2ºT), Roberto e Bruno Lopes (Jheimy, aos 25'/2ºT). Técnico: Renan Freitas.
PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Thiago Santos, Moisés (Bruno Henrique, aos 29'/2ºT) e Raphael Veiga (Lucas Lima, aos 21'/2ºT); Felipe Pires, Dudu (Gustavo Scarpa, no intervalo) e Deyverson. Técnico: Felipão.


Foto: Flickr Palmeiras


por: Leonardo Bueno

Nenhum comentário:

Postar um comentário