Breaking News

domingo, 23 de junho de 2019

Vexame vermelho e a corrida sem graça na França

Foto: AFP


       Aparentemente a punição que Sebastian Vettel levou no grande prêmio do Canadá refletiu na equipe italiana neste final de semana. A escuderia de Maranello não conseguiu que o piloto alemão se classificasse perto dos ponteiros, assim Vettel largou do sexto lugar, enquanto Charles Leclerc largaria de terceiro.

     Já na largada da prova neste domingo, ficou claro quem seria o ganhador. Lewis Hamilton abriu vantagem enquanto Valtteri Bottas e Charles Leclerc duelavam pela segunda colocação, colocando assim o plano do finlandês de ganhar a primeira posição por ralo a baixo. Vettel aproveitou que Carlos Sainz Jr, abriu caminho durante suas ultrapassagens e pegou embalo, assim ultrapassou Lando Norris.

      Sergio Perez escapou em uma das curvas e voltou a frente de sua posição no momento que perdeu o controle, com isso o mexicano recebeu uma punição de cinco segundos que cumpriu durante sei pit stop. Enquanto isso Vettel ultrapassava Sainz. 

     Romain Grosjean abandonou a prova faltando poucas voltas para o final, sendo o único a abandonar a prova.

Foto: AFP


     Leclerc guardou o melhor de seus pneus para o final, assim proporcionando uma intensa briga com Bottas na ultima volta. O monegasco até forçou um erro do finlandês, mas não conseguiu fazer a ultrapassagem, terminando em terceiro.


Twitter F1

    
     Vale falar que esta corrida compete lado a lado com a de Baku no Azerbaijão como a mais sem graça da temporada, já que foi uma prova sem grandes emoções  e com um pódio que não tem mudado nas ultimas corridas.

    


Nenhum comentário:

Postar um comentário